Depressão: corpo, mente e alma por Wagner Luiz Garcia Teodoro - Versão HTML

ATENÇÃO: Esta é apenas uma visualização em HTML e alguns elementos como links e números de página podem estar incorretos.
Faça o download do livro em PDF, ePub, Kindle para obter uma versão completa.
index-1_1.png

index-1_2.png

index-1_3.png

index-1_4.jpg

Depressão: corpo, mente e alma

~ 1 ~

Wagner Luiz Garcia Teodoro

~ 2 ~

index-3_1.png

index-3_2.png

index-3_3.png

index-3_4.png

index-3_5.png

Depressão: corpo, mente e alma

~ 3 ~

Wagner Luiz Garcia Teodoro

Revisão

Ivalda de Fátima Oliveira

Ilustrações

Fernando Duarte

3ª Edição

2010

Todos os direitos sobre esta obra estão reservados ao autor, não sendo

permitida a reprodução total ou parcial sem prévio consentimento.

Depressão: corpo, mente e alma / Wagner Luiz

Garcia Teodoro; Uberlândia –MG: 2009.

1. Depressão. 2. Reforma interior

I. Teodoro, Wagner Luiz Garcia.

ISBN: 978-85-61353-01-8

~ 4 ~

index-5_1.png

Depressão: corpo, mente e alma

É com grande alegria que dedico este livro:

- a todos aqueles que trazem o coração angustiado e buscam

alívio e paz;

- aos meus pacientes, que me permitiram aprender no

universo de suas dores e esperanças;

- à minha esposa, meus filhos e meus pais;

- aos amigos de inestimável valor, que se fizeram exemplos de

perseverança, alegria, companheirismo e consciência;

- à todos aqueles que contribuíram para a concretização deste

trabalho;

- àqueles que, com os olhos inundados de amor, fazem-se

presentes no íntimo de cada Ser, respeitando, acolhendo e

fazendo pulsar a vida;

- a Deus, por senti-Lo sempre comigo e por ter me concedido

a oportunidade de ser útil.

~ 5 ~

Wagner Luiz Garcia Teodoro

~ 6 ~

index-7_1.png

Depressão: corpo, mente e alma

PREFÁCIO

13

INTRODUÇÃO

15

CAPÍTULO I: O QUE É DEPRESSÃO

- Definição

20

- A falta de informação

20

- Tristeza x Depressão

22

- Sintomas

23

- Quando buscar ajuda profissional

26

- A resistência do deprimido ao tratamento

27

CAPÍTULO II: A DEPRESSÃO NA HISTÓRIA

- A fase pré-científica

32

- A depressão no século XX

34

- O início do século XXI

36

CAPÍTULO III: DADOS DEMOGRÁFICOS

- Índices da população mundial

38

- Índices de recorrência

39

- Pessoas com maior risco

39

- Índices de suicídio

39

CAPÍTULO IV: CONTEXTOS FREQÜENTES

- Pós-parto

42

- Infância

44

- Adolescência

46

- Adulto jovem

48

- Meia idade

49

~ 7 ~

Wagner Luiz Garcia Teodoro

- Velhice

50

- Desemprego

52

- Dívidas

53

- Menopausa

53

- Período pré-menstrual

54

- Solidão

55

- Estresse

56

- Perda de entes queridos

57

- Família com histórico de depressão

57

- Existência de outros transtornos

58

- Dependência química

60

- Enfermidades

61

- Exclusão social

62

- Maus tratos

63

CAPÍTULO V: CAUSAS DA DEPRESSÃO

- Causas endógenas e exógenas

66

- Fatores psicológicos

69

. Estrutura de personalidade

69

. Abordagem Psicanalítica

71

. Abordagem Comportamental

75

. Abordagem Cognitiva

77

. Abordagem Humanista

78

. Abordagem Junguiana

79

. Abordagem Transpessoal

79

. Abordagem Transacional

81

. Abordagem Bioenergética

82

. Abordagem Existencial

84

~ 8 ~

Depressão: corpo, mente e alma

- Fatores Orgânicos

87

. Neurotransmissão

87

. Baixo nível de nutrientes

91

. Alterações hormonais

91

. Influência de aspectos sazonais

93

. Lesões cerebrais

94

. Fatores genéticos

94

. Substâncias Químicas

95

- Fatores Espirituais

98

. As bases científicas dos fatores espirituais

98

. Os Chakras

109

. Materialismo

112

. Falta de fé

113

. Vazio existencial

114

. Ressentimento

115

. Orgulho

116

. Egoísmo

117

. Culpa

118

. Revolta contra as Leis Naturais

120

. Influência espiritual

121

- A interação corpo/mente/alma na depressão

124

CAPÍTULO VI: RECURSOS TERAPÊUTICOS

- Psicoterapias

128

. Olhares divergentes ou complementares?

128

. O inconsciente

129

. O pensamento

130

. O corpo

131

. O espírito

132

. Principais aspectos trabalhados na

psicoterapia da depressão

133

~ 9 ~

Wagner Luiz Garcia Teodoro

- Intervenções médicas

134

. Medicamentos antidepressivos

134

. Controle hormonal

136

. Fototerapia

137

. Terapia eletroconvulsiva (ECT)

138

. Estimulação magnética transcraniana (TMS)

139

. Estimulação do nervo vago (VNS)

140

. Homeopatia

140

. Tratamento ortomolecular

141

- Recursos terapêuticos complementares

147

. Alimentação

147

. Fitoterapia

150

. Florais de Bach

151

. Atividade física

153

. Trabalho corporal

155

. Banho de sol

156

. Cuidar da aparência

157

. Estilo de vida

158

. Estabelecer objetivos

159

. Religião

160

. Prece

162

. Desobsessão

164

. Água fluidificada

165

. Passe

166

. Reiki

167

. Acupuntura

167

. Shiatsu

169

. Terapia reflexa

169

. Respiração

170

. Choro

172

. Riso

173

. Abraço

176

. Música

177

~ 10 ~

Depressão: corpo, mente e alma

. Dança

179

. Escrever sobre o que sente

180

. Aromaterapia

181

. Cromoterapia

184

. Feng-shui

188

. Boas leituras

190

. Trabalho social voluntário

191

. Contato com a natureza

192

. Recursos associados

193

CAPÍTULO VII: A CURA

- A base do problema

196

- Autoconhecimento

197

- Reforma Íntima

200

- Amor

204

CAPÍTULO VIII: REFLEXÕES

- Verdade ou verdades?

208

- A dificuldade em lidar com a raiva

210

- Convivendo com o deprimido

213

- Suicídio

214

- A importância do esforço pessoal 219

- O “Ser” e o “Ter”

220

- Cuidando da infância

223

- Felicidade

226

- Dicas de Prevenção

228

- Alegria de Viver

230

BIBLIOGRAFIA

232

WEBGRAFIA

238

~ 11 ~

Wagner Luiz Garcia Teodoro

~ 12 ~

index-13_1.png

Depressão: corpo, mente e alma

Hoje em dia, a depressão mostra-se como um dos

grandes males que afetam a humanidade. Comumente, todos

nós conhecemos alguém que vive ou já viveu dificuldades em

relação a esta oscilação de humor. Tendo isso em vista, a

presente obra possui grande importância para os leitores,

apresentando vários olhares em torno dessa doença, que é

instigante e causadora de grande polêmica acerca de suas

causas e tratamentos.

A clareza dos textos que compõem este livro facilita a

compreensão e interpretação dos três aspectos propostos pelo

autor no desenvolvimento de suas idéias. Ora apresenta a

depressão sob o olhar psicológico, enfatizando as várias

nuances das psicoterapias, ora discorre sobre a importância

das questões orgânicas no estabelecimento desse transtorno e

por último, chama a atenção dos leitores para os aspectos

espirituais que colaboram para o desencadeamento do quadro

depressivo. Dessa maneira, este pequeno manual, como é

chamado pelo autor, tem a pretensão de ajudar no

entendimento dos múltiplos determinantes da depressão,

como também dos variados recursos terapêuticos existentes.

Quando se escreve ou se utiliza a comunicação oral

para abordar determinada situação que se conhece por tê-la

vivenciado, as palavras adquirem um significado muito mais

consistente. Este é o caso de Wagner Luiz. Psicólogo e

educador, é uma pessoa que tem feito uma caminhada bonita

e, por vezes, perpassou pelos caminhos sobre os quais agora

discorre. Tanto na prática clínica como em suas palestras e

nos grupos de professores que coordena, procura orientar,

esclarecer e oferecer recursos para que se possa enxergar e

~ 13 ~

Wagner Luiz Garcia Teodoro

combater a depressão de forma ampla e eficaz. Sua bagagem

aumenta à medida que aprofunda seus estudos e busca formas

complementares de atuação.

Apesar de o tema depressão ser muito comentado, a

visão abrangente, aqui apresentada, lança luz sobre esse mal

que vem se alastrando pelo mundo. Aliás, o objetivo desta

singela, porém profunda obra, é justamente proporcionar aos

leitores maior compreensão deste estado d’alma que tanto tem

afetado a sociedade contemporânea, carente de contato com as

questões espirituais, além de oferecer caminhos que

favoreçam a recuperação da saúde emocional e ressaltar as

diversificadas maneiras de se realizar um trabalho de

prevenção do transtorno depressivo.

Márcia H. F. Moyzés

Psicóloga e Psicoterapeuta Corporal

~ 14 ~

index-15_1.png

Depressão: corpo, mente e alma

Com grande expressividade no cenário mundial, a

depressão tem apresentado índices alarmantes nos últimos

tempos. Já chamada de “o mal do século”, deve atingir entre

15% e 20% da população mundial, no mínimo uma vez na

vida. De acordo com a OMS (Organização Mundial de

Saúde), até o ano de 2020, tende a ocupar o 2º lugar entre as

causas de ônus gerados por doenças degenerativas e mortes

prematuras.

Diante de um problema de tamanha seriedade, esta

obra foi elaborada com o propósito de servir como um

pequeno manual para aqueles que queiram compreender

melhor os mecanismos da depressão. Pessoas que estejam

buscando formas de auto-ajuda, familiares de deprimidos,

espiritualistas, profissionais e estudantes envolvidos com a

saúde física e mental, palestrantes de temas motivacionais,

entre outros, encontrarão aqui importantes informações

colocadas de maneira simples e objetiva. Trata-se de um

estudo sobre os sintomas, as possíveis causas, os tratamentos

disponíveis e as maneiras de se prevenir essa doença. De

forma séria, abrangente e livre de preconceitos, o Transtorno

Depressivo é aqui abordado com foco nos aspectos orgânico,

psicológico e espiritual, possibilitando ao leitor compreender

a participação do corpo, da mente e da alma nos processos de

adoecimento e recuperação.

Muito tem se pesquisado sobre esse transtorno de

humor que leva milhões de pessoas a perderem o interesse

pela vida. O século XX trouxe grandes contribuições ligadas a

intervenções psicoterápicas e farmacológicas, além de outras

técnicas desenvolvidas com base nos conhecimentos de

~ 15 ~

Wagner Luiz Garcia Teodoro

neurofisiologia e neuroanatomia. Atualmente, os avanços em

neurociência têm possibilitado compreender melhor a relação

mente-cérebro e criar técnicas de intervenção mais eficientes.

Entretanto, muito ainda se tem por conhecer a respeito desse

tema que desafia médicos e psicólogos e traz grandes

prejuízos pessoais e sociais.

Desde a década de 90, a medicina e a psicologia vêm

consolidando o uso associado de recursos farmacológicos e

psicoterápicos no tratamento dos quadros depressivos,

apoiando a idéia da interferência mútua entre fatores

psíquicos e fisiológicos no surgimento dessa patologia.

Apesar desse reconhecido

avanço no campo

terapêutico, o elemento espiritual é ainda pouco considerado

pelos profissionais da área de saúde. Provavelmente por

adentrar o campo religioso, muitos dizem que a realidade

espiritual é uma questão de fé e não de ciência. Entretanto, há

mais de 150 anos, as manifestações dos espíritos vêm sendo

investigadas, comprovadas e relatadas por inúmeros

pesquisadores de grande respeitabilidade no meio científico.

As informações obtidas através desses estudos e de diversas

obras psicografadas (ditadas por pessoas desencarnadas)

sugerem que o espírito, Ser imortal que habita o corpo e

governa a mente, tem participação fundamental na construção

dos processos depressivos, exercendo influência sobre a

constituição orgânica e a estruturação psicológica, de acordo

com o nível de evolução moral e intelectual em que cada

pessoa se encontra. Atualmente, alguns grupos ligados à área

acadêmica têm se organizado em torno das questões

espirituais. Instituições de ensino superior vêm aos poucos

conseguindo incluir tal abordagem nos cursos de psicologia e

medicina. Colaboram nesse âmbito, os adeptos da Psicologia

Transpessoal e a Associação Médico-Espírita do Brasil.

~ 16 ~

Depressão: corpo, mente e alma

Fazendo um panorama sobre o tema “Depressão”, a

presente obra está didaticamente dividida em oito capítulos: o

primeiro busca definir o que é depressão, bem como descrever

os sintomas mais comuns; o segundo oferece uma visão

histórica sobre o desenvolvimento do conhecimento científico

sobre o assunto; o terceiro cita dados estatísticos relacionados

com a população mundial; o quarto apresenta os contextos nos

quais o desencadeamento dessa doença é mais freqüentemente

observado; o quinto aborda as possíveis causas psicológicas,

orgânicas e espirituais; o sexto faz referência às intervenções

médicas e psicoterápicas, assim como a vários recursos

terapêuticos complementares ligados às questões energéticas,

espirituais e de comportamento; o sétimo traz uma visão

sucinta e objetiva do processo de cura; o oitavo e último

capítulo é composto por reflexões sobre importantes temas

ligados à depressão, englobando dicas de auto-ajuda.

Este trabalho foi produzido a partir de minha prática

clínica, pesquisas bibliográficas e de enriquecedoras vivências

no campo da depressão. Experiências difíceis, estas últimas,

mas que puderam ser sentidas, pensadas, transformadas em

exercício de fé, perseverança, esforço pessoal e auto-

conhecimento, resultando em expansão de consciência, auto-

superação e no desejo sincero de ajudar outras pessoas a

perceberem que a vida pode ser vista com cores mais

vibrantes quando cuidamos do corpo, da mente e da alma.

Espero que cada leitor possa concluir este estudo com

algo a mais dentro de si e com um olhar mais consciente e

amoroso sobre o ser humano, suas dores e seus potenciais.