Efeito do leite probiótico fermentado na resposta imune celular em cólon de camundongos BALB/c por Cristina Stewart Bittencourt Bogsan - Versão HTML

ATENÇÃO: Esta é apenas uma visualização em HTML e alguns elementos como links e números de página podem estar incorretos.
Faça o download do livro em PDF, ePub para obter uma versão completa.

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

FACULDADE DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS

Programa de Pós-Graduação em Tecnologia Bioquímico-Farmacêutica

Área de Tecnologia de Alimentos

Efeito do leite probiótico fermentado na resposta imune celular em

cólon de camundongos BALB/c

Cristina Stewart Bittencourt Bogsan

Tese para obtenção do grau de

DOUTOR

Orientador:

Profa. Dra. Maricê Nogueira de Oliveira

São Paulo

2012

Cristina Stewart Bittencourt Bogsan

2

Efeito do leite probiótico fermentado na resposta imune celular em

cólon de camundongos BALB/c

Comissão Julgadora

da

Tese para obtenção do grau de Doutor

Profa. Dra. Maricê Nogueira de Oliveira

orientador/presidente

____________________________

1o. examinador

____________________________

2o. examinador

____________________________

3o. examinador

____________________________

4o. examinador

São Paulo, 15 de Outubro de 2012.

3

Ao Adalberto, marido,

companheiro e amigo, que esteve

ao meu lado em todos os

momentos, apoiando e incentivando

meu crescimento intelectual e

profissional.

Em especial aos meus

filhos Thomas, Tatiana e Felipe, que

trouxeram amor e harmonia para

minha vida, pelos momentos em

que estive ausente, dedico este

trabalho.

iv

Agradecimentos

À professora Doutora Maricê Nogueira de Oliveira pela

orientação e aprendizado nesta fase.

Ao professor Dr. Sandro Rogério de Almeida, pelo estímulo,

colaboração e compreensão.

Aos professores da Disciplina de Tecnologia de Alimentos,

Doutora Susana Lannes, Doutora Susana Saad e Doutor Luis

Antonio Gioielli pela assistência e criticas importantes nesta fase de

aprendizado.

Aos professores e funcionários do Departamento de

Tecnologia Bioquimico Farmaceutica pelo auxilio e colaboração.

Ao professor Doutor Marco Antonio Stephano pela

colaboração na discussão dos experimentos com enfoque

imunológico.

As Doutora Alejandra de Moreno de LeBlanc, Doutora

Gabriela Perdigon e Doutor Mario Mariano, pela colaboração na

microscopia.

Aos colegas de laboratório, Ana Carolina Florence, Ana Lucia

Pilleggi, Ana Paula Espirito Santo, Claudia Hirota, Doutora Roberta

Claro, Natalia Perina, Roberta Polak e todos os alunos de iniciaçãoo

v

cientifica que compartilharam momentos de alegria e estudo no

laboratório, pela colaboração e carinho.

Aos funcionários Nilton, Ivani, Mirian, Juarez e Elza sempre

atenciosos.

À minha família, meus pais, João Pedro e Adélia, meus

sogros Adalberto e Ladislene que sempre acreditaram no meu

trabalho.

As minhas amigas Iris, Valerie, Daphne e Natalia e minhas

queridas colaboradoras Cristina e Simone, por me proporcionar

tempo para estudar enquanto cuidavam dos meus filhos.

A todos que direta ou indiretamente colaboraram para a

realizaçãoo deste trabalho.

vi

SUMMARY

page

LIST OF TABLES

x

LIST OF FIGURES

xi

SYMBOLS AND NOMENCLATURE

xiv

ABSTRACT

xvi

RESUMO

xvii