Espelho

Espelho
O “quíler” carioca, mais conhecido como o “Poeta”, é quem fala..... exacerbando seus atos: cabelos pro lado por causa do vento/ se movimentando/ a água deve estar fria/ trabalho/ o mundo inteiro em casa/ o mar revolto/ lá vem chuva/ acordar pra trabalhar/ marina pessoas pequenas lá longe & caminhando/ ooohmn/ cháááá/ a espuma é amarela, suja como areia amarela/ quebra-mar/ mar vazio/ peixes solitários dando lições aos filhotes/ nublado/ pombos/ areia...
Esta é apenas uma pré-visualização em PDF das primeiras páginas do Espelho. Baixe a versão completa para ler o livro completo.
Nota: Você deve ter o Adobe Reader ou o Acrobat Installed para ver esta visualização
Você não tem o Adobe Reader instalado. Para ver esse arquivo, baixe Adobe Reader em <a href="http://get.adobe.com/reader/" target="_blank">aquí</a>. Ou, se quiser baixar o PDF para seu computador, clique <a href="https://portugues.free-ebooks.net/ebook/Espelho/pdf">aqui</a>.