Estudo da freqüência de micoplasma no trato urogenital, conjuntiva e orofaringe de macacos silvestre

Estudo da freqüência de micoplasma no trato urogenital, conjuntiva e orofaringe de macacos silvestre
\"Pesquisou-se a freqüência de Mollicutes na orofaringe, conjuntiva e trato urogenital de 58 macacos. Na orofaringe detectou-se Mollicutes em 55,17 % e Ureaplasma spp em 43,10%. As espécies identificadas nesta região foram: M. arginini (43,10%), M salivarium (41,37%), e M. pneumoniae (18,96%). No trato genital detectou-se Mollicutes em 27,58% sendo identificado M. arginini em 8,62%, A. laidlawii em 1,72 % e Ureaplasma spp em 32,75%. Na conjuntiva detectou-se Mollicutes em 29,31 % e A...
Esta é apenas uma pré-visualização em PDF das primeiras páginas do Estudo da freqüência de micoplasma no trato urogenital, conjuntiva e orofaringe de macacos silvestre. Baixe a versão completa para ler o livro completo.
Nota: Você deve ter o Adobe Reader ou o Acrobat Installed para ver esta visualização
Você não tem o Adobe Reader instalado. Para ver esse arquivo, baixe Adobe Reader em <a href="http://get.adobe.com/reader/" target="_blank">aquí</a>. Ou, se quiser baixar o PDF para seu computador, clique <a href="https://portugues.free-ebooks.net/ebook/Estudo-da-frequencia-de-micoplasma-no-trato-urogenital-conjuntiva-e-orofaringe-de-macacos-silvestre/pdf">aqui</a>.