Estudo da transição dermoepidérmica dos enxertos de pele e sua relação com o surgimento de vesículas

Estudo da transição dermoepidérmica dos enxertos de pele e sua relação com o surgimento de vesículas
Faculdade de Medicina / Cirurgia Plástica Universidade de São Paulo "O presente estudo foi realizado para esclarecer o surgimento de vesículas subepidérmicas em enxertos de pele comumente descritos como áreas enxertadas. Devido à discrepância existente entre a literatura, que afirma surgirem vesículas nessas áreas, e a nossa experiência clínica, onde não observamos tal fato, decidimos investigar o problema. [...] Observou-se relações lineares das medidas com médias de 117...
Esta é apenas uma pré-visualização em PDF das primeiras páginas do Estudo da transição dermoepidérmica dos enxertos de pele e sua relação com o surgimento de vesículas. Baixe a versão completa para ler o livro completo.
Nota: Você deve ter o Adobe Reader ou o Acrobat Installed para ver esta visualização
Você não tem o Adobe Reader instalado. Para ver esse arquivo, baixe Adobe Reader em <a href="http://get.adobe.com/reader/" target="_blank">aquí</a>. Ou, se quiser baixar o PDF para seu computador, clique <a href="https://portugues.free-ebooks.net/ebook/Estudo-da-transicao-dermoepidermica-dos-enxertos-de-pele-e-sua-relacao-com-o-surgimento-de-vesiculas/pdf">aqui</a>.