Imperialismo e produção do espaço urbano: a indústria do amianto e a construção da cidade de Minaçu

Imperialismo e produção do espaço urbano: a indústria do amianto e a construção da cidade de Minaçu
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas / Geografia Humana Universidade de São Paulo "A pesquisa que ora se apresenta ocupou-se do debate sobre o imperialismo como modo de ser do capitalismo contemporâneo e sua relação com o espaço urbano olhado a partir da indústria do amianto e, consequentemente, perpassando por temas como trabalho, saúde dos trabalhadores expostos ao amianto e movimentos sociais que defendem o banimento deste mineral. [...] a indústria do amianto no...
Esta é apenas uma pré-visualização em PDF das primeiras páginas do Imperialismo e produção do espaço urbano: a indústria do amianto e a construção da cidade de Minaçu. Baixe a versão completa para ler o livro completo.
Nota: Você deve ter o Adobe Reader ou o Acrobat Installed para ver esta visualização
Você não tem o Adobe Reader instalado. Para ver esse arquivo, baixe Adobe Reader em <a href="http://get.adobe.com/reader/" target="_blank">aquí</a>. Ou, se quiser baixar o PDF para seu computador, clique <a href="https://portugues.free-ebooks.net/ebook/Imperialismo-e-producao-do-espaco-urbano-a-industria-do-amianto-e-a-construcao-da-cidade-de-Minacu/pdf">aqui</a>.