Influência dos sistemas empresariais integrados (ERPs) nos aspectos organizacionais da área de... por Lilian Moreira de Alvarenga Assolari - Versão HTML

ATENÇÃO: Esta é apenas uma visualização em HTML e alguns elementos como links e números de página podem estar incorretos.
Faça o download do livro em PDF, ePub, Kindle para obter uma versão completa.

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE

DEPARTAMENTO DE CONTABILIDADE E ATUÁRIA

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS

INFLUÊNCIA DOS SISTEMAS EMPRESARIAIS INTEGRADOS (ERPs) NOS

ASPECTOS ORGANIZACIONAIS DA ÁREA DE CONTABILIDADE

– ESTUDOS DE CASOS EM EMPRESAS DO PARANÁ –

Lílian Moreira de Alvarenga Assolari

Orientador: Prof. Dr. Edson Luiz Riccio

SÃO PAULO

2005

Prof. Dr. Adolpho José Melfi

Reitor da Universidade de São Paulo

Profa. Dra. Maria Tereza Leme Fleury

Diretora da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade

Prof. Dr. Reinaldo Guerreiro

Chefe do Departamento de Contabilidade e Atuária

Prof. Dr. Fábio Frezatti

Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis

LILIAN MOREIRA DE ALVARENGA ASSOLARI

INFLUÊNCIA DOS SISTEMAS EMPRESARIAIS INTEGRADOS (ERPs) NOS

ASPECTOS ORGANIZACIONAIS DA ÁREA DE CONTABILIDADE

– ESTUDOS DE CASOS EM EMPRESAS DO PARANÁ –

Dissertação apresentada ao Departamento de

Contabilidade e Atuária da Faculdade de

Economia, Administração e Contabilidade da

Universidade de São Paulo como requisito

para a obtenção do título de Mestre em

Ciências Contábeis.

Orientador: Prof. Dr. Edson Luiz Riccio

SÃO PAULO

2005

Dissertação defendida e aprovada no Departamento de

Contabilidade e Atuária da Faculdade de Economia,

Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo

– Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, pela

seguinte banca examinadora:

Assolari, Lílian Moreira de Alvarenga

Influência dos sistemas empr

esariais integrados (ERP) nos

aspectos organizacionais da área de Contabilidade : estudos de

casos em empresas do Paraná

/ Lílian Moreira de Alvarenga

Assolari -- São Paulo, 2005.

211 p.

Dissertação (Mestrado) – Univer sidade de São Paulo, 2005

Bibliografia.

1. Sistemas de informação contábil 2. Sistemas ERP 3. Mudança

organizacional I. Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia,

Administração e Contabilidade. II. Título.

CDD – 657.02854

ii

Ao meu esposo Gilmar, pelo amor e apoio

incondicional em todos os momentos.

Aos meus filhos Rafael e Rodrigo, luz dos

meus dias.

iii

Agradeço a Deus, por seu infinito amor e misericórdia.

Ao meu orientador, Edson L. Riccio, que continuamente me encorajou, foi paciente e compreensível e prestou valiosas contribuições durante o desenvolvimento deste trabalho.

Aos professores do Departamento de Contabilidade da FEA-USP, pela participação de cada um para a minha formação.

Aos funcionários do Departamento de Contabilidade da FEA, secretaria de pós-

graduação, biblioteca, UPD e FIPECAFI, por propiciar as condições essenciais para a realização do trabalho, em especial à Cristina e à Valéria.

Aos amigos do DCC/UEM, que me incentivaram e estiveram sempre prontos a me

atender nos momentos difíceis do curso e do desenvolvimento deste trabalho. Agradeço em especial aos professores Mário Lonardoni, Alice de Fátima Rodrigues e Massakazu Takakura, por não terem medido esforços para viabilizar minha participação no curso de Mestrado.

Ao meu esposo Gilmar, que esteve sempre ao meu lado me encorajando, compreendendo minhas ausências, assumindo tantas responsabilidades, sendo por muitas vezes pai e mãe dos nossos filhos. Obrigada por seu amor e dedicação.

Aos meus pais Benedito e Carmem, que me ensinaram o valor do estudo e do trabalho, e que especialmente durante este curso estiveram ao meu lado, deixando seus afazeres para me auxiliar em tudo o que foi preciso. Obrigada pelo amor incondicional de vocês.

Aos meus sogros Reinaldo ( in memorian) e Enedina, que me acolheram em sua família como uma filha e que estiveram sempre me incentivando e auxiliando nos momentos de dificuldades.

Às minhas irmãs Leila e Gisele, e à minha tia Tereza, que me apoiaram e auxiliaram a vencer mais este desafio. Aos meus familiares Wagner, Leila, Pedro, Omar, Sandra, Jéssika, que, cada um a seu modo, contribuíram para a realização deste trabalho.

À amiga Patrícia Siqueira Varela, que dividiu tantas alegrias e tristezas durante o curso, sempre me apoiou e auxiliou em tudo o que foi preciso; ao amigo Márcio, que nunca me deixou desanimar; ao amigo Alcides, que me ajudou a enfrentar os desafios dessa jornada; e à amiga Roseli, que colocou a amizade acima de tudo e demonstrou seu comprometimento nos momentos difíceis.

Na impossibilidade de nominar a todos, agradeço àqueles que, de alguma forma, contribuíram para o cumprimento de mais esta etapa importante.

iv

“A sabedoria vem de Deus.”

Livro da Sabedoria

v

RESUMO

A decisão sobre implementar ou não um ERP (Sistema de Integrado de Gestão), conforme constatado na literatura consultada, não é apenas uma questão de tecnologia, mas fundamentalmente uma questão de estratégia; isso porque sua implementação demanda profundas mudanças na organização. De acordo com os resultados de algumas pesquisas já publicadas, especificamente na área de Contabilidade das organizações, a implementação do ERP provoca mudanças. Diante disso, esta pesquisa foi realizada com o objetivo de compreender e descrever a influência da implantação do ERP nos aspectos organizacionais da área de Contabilidade das empresas, mais precisamente no que se refere às mudanças na estrutura organizacional, às atividades desenvolvidas e aos conhecimentos e habilidades exigidos para a execução das atividades. Em atenção aos propósitos da pesquisa, o trabalho foi construído por meio de uma abordagem metodológica empírico-analítica com a condução de Estudos de Casos nas empresas do Estado do Paraná. Para tanto, foram analisados dois casos referentes a empresas que implementaram o ERP R/3 do fornecedor SAP. A análise dos dados indica que a implementação do ERP provoca, na área de Contabilidade das empresas, alterações na estrutura organizacional, nas atividades e nos conhecimentos e habilidades. As alterações verificadas na estrutura organizacional referem-se ao design organizacional, à estrutura de cargos e ao quadro de funcionários. Quanto às atividades, as alterações estão relacionadas ao tipo de atividade desenvolvida na área (inclusão ou exclusão) e à forma de desenvolvê-las. Com relação aos conhecimentos e habilidades, as alterações dizem respeito aos conhecimentos gerais, técnicos, habilidades intelectuais, interpessoais e de comunicação.

Porém, depreende-se da análise dos dados, que a implementação de um ERP influencia mais diretamente as atividades e, como conseqüência, a estrutura organizacional e os conhecimentos e habilidades sofrem reflexos e precisam ser ajustados, ou seja, a intensidade das alterações na estrutura organizacional e nos conhecimentos e habilidades está relacionada à profundidade das mudanças ocorridas nas atividades. Todavia, embora o ERP tenha potencial para alterar as atividades, as mudanças variam de empresa para empresa, pois a implementação do ERP, por si, não promove sempre as mesmas mudanças; a natureza e a profundidade das mudanças dependem das decisões tomadas pelos responsáveis pela empresa e pela equipe de projeto, durante a fase de implementação do ERP e também posteriormente, quando o sistema já está sendo utilizado.

vi

ABSTRACT

According to literature in the area, the decision about whether or not to implement ERP

(Enterprise Resource Planning) is not a matter of technology alone, but rather, a matter of strategy, since its implementation requires deep changes in the organization. Still according to research already published, this implementation generates deep changes in the area of accounting of organizations as well. Due to this fact, this research was carried out aiming at understanding and describing the influence of the implementation of ERP on the

organizational aspects in the area of accounting of enterprises, particularly in what concerns the changes in structure, activities developed, besides knowledge and abilities required for the carrying out of tasks. Seeking to achieve the purpose of this research, the procedures followed an empirical analytical methodological approach as a guideline to Case Studies carried out in enterprises in the State of Paraná. The analysis took into account two cases of enterprises that implemented ERP R/3 by SAP (supplier of software solutions for enterprises).

The analysis of data shows that the implementation of ERP gives rise to changes not only in the organizational structure but also in activities and in knowledge and abilities within the accounting area of enterprises. The changes found within the organizational structure allude to organizational design, job designs and personnel. As far as activities go, changes are related to the kind of activity performed in the area (inclusion or exclusion), and to the way of performing them. Concerning knowledge and abilities, changes regard general and technical knowledge, and intellectual, interpersonal and communicative abilities. Nevertheless, the analysis of data leads to the understanding of the fact that ERP implementation acts more directly upon activities; thus, both the organizational structure and knowledge and abilities are affected as well, and need adjustments; that is to say, the intensity of changes operating on the organizational structure and on knowledge and abilities is related to the depth of the changes that have an effect on the activities. However, although ERP has the potential to alter activities, changes vary among enterprises, since the implementation itself does not always promote the same changes; both nature and depth of changes depend on decisions made by those responsible for the business and by the group in charge of the project, and not only during but also after ERP implementation, when the system is already in action.

SUMÁRIO

LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS

3

1

INTRODUÇÃO 5

1.1 Questão

da

Pesquisa

8