O Livro do Vinagre por Emily Thacker - Versão HTML

ATENÇÃO: Esta é apenas uma visualização em HTML e alguns elementos como links e números de página podem estar incorretos.
Faça o download do livro em PDF, ePub, Kindle para obter uma versão completa.

Emily Thacker

O Livro do Vinagre

por Emily Thacker

Este livro pretende ser um registo de soluções populares e tradicionais e

nele constam conselhos úteis, sugestões e memórias. Ao comercializá-lo, o

editor quer deixar bem claro que não tem por objectivo dar conselhos

médicos nem o livro tem a intenção de substituir os cuidados médicos

prestados por profissionais qualificados. O editor não assume qualquer

responsabilidade relativamente à segurança e eficácia das receitas

indicadas nem garante a exactidão ou a utilidade de qualquer um dos

remédios incluídos nesta colecção.

Se tiver um problema de saúde, deve consultar o médico.

Todos os direitos reservados. Impresso em Portugal. Este livro não pode

ser reproduzido, na íntegra ou em parte, sob qualquer forma ou por

quaisquer meios, electrónicos ou mecânicos, incluindo por sistemas de

memória e recuperação de informação, sem autorização, por escrito, do

editor, excepto por um editor de revistas que poderá citar passagens

curtas numa publicação.

O 1994 Tresco Publishers

Título original "The Vinegar Book"

O 1995 Bodywell, para a presente edição

Execução Gráfica: Equiprint - Equipamentos e Produções

Gráficas, Lda Trajouce - Parede - Portugal Dep. Legal: 93438195

Prefácio

Caro Leitor,

Não posso deixar de lhe dizer o grande número de leitores amáveis que me

escreveram a contar como o Vinagre de Sidra os ajudou a gozar de uma

saúde melhor e a executar mais facilmente as tarefas de limpeza.

Ao ler o meu correio, fiquei com a impressão que muitos leitores vêem no

Vinagre de Sidra um

remédio quase instantâneo para todas as enfermidades da humanidade!

Alguns acreditam que se trata de um líquido milagroso - um tónico para

prolongar a vida, promover a saúde e fornecer as vitaminas, aminoácidos e

elementos-traço necessários. A fé no poder do Vinagre de Sidra remonta ao

tempo da descoberta da maçã. E, algumas das virtudes que lhe são

atribuídas parecem um tanto ou quanto extravagantes.

Mas o vinagre contém realmente uma grande variedade de elementos-traço

muitos dos quais ainda não foram avaliados pela ciência. A importância

dos elementos-traço continua por investigar pelos cientistas médicos. E

as provas de que os alimentos puros e naturais são a nossa melhor fonte

de minerais e vitaminas continuam a acumular-se. Os estudos mais recentes

demonstram que o número de elementos e compostos de um bom Vinagre de

Sidra tomam insignificante a lista de ingredientes da maioria dos

multivitaminicos.

Por isso, talvez o futuro venha a revelar a forma como o vinagre promove

a saúde. E certamente que o vinagre é um agente de limpeza seguro e de

mérito reconhecido. É benéfico para o planeta e protege o meio ambiente.

Se quer irradiar boa saúde e bem-estar durante tantas décadas quantas

forem possíveis deve dar muita atenção à sua alimentação e estilo de

vida. A forma como conduz a sua vida pode assegurar um futuro mais

radioso e promissor. A maioria das enfermidades nos indivíduos com mais

de 50 anos deve-se a doenças degenerativas: artrite, cancro e

perturbações cardiovasculares como os ataques cardíacos e os

acidentes vasculares cerebrais. A maioria dos médicos concorda em que

estas doenças estão relacionadas com o que comemos e a forma como

vivemos.

Ao longo dos tempos, muitas pessoas acharam que o vinagre de sidra podia

desempenhar um papel importante num estilo de vida saudável. Não podemos

controlar o nosso histórico clínico ou os nossos genes, mas podemos

controlar uma parte do nosso futuro. Este é o único corpo que temos, por

isso é melhor tomar bem conta dele. E é disso que se trata neste livro -

alguma manutenção preventiva.

Lembre-se, porém, de que os remédios antigos têm valor, mas não

substituem o conselho médico. Quando estiver doente, deve procurar a

orientação de um médico competente. Para uma vida saudável e as limpezas

do dia-a-dia, pode tentar alguns destes velhos remédios de vinagre.

Emily

Índice

Capítulo Um

Mantenha-se Jovem ... 5

Capítulo Dois

O Vinagre Combate as Doenças ... 11

Capítulo Três

Qual é a Origem do Vinagre ... 27

Capítulo Quatro

Evolução Histórica do Vinagre ... 33

Capítulo Cinco

Preparação do Vinagre ... 41

Capítulo Seis

Conservado em Vinagre e Orgulhoso Disso! ... 49

Capítulo Sete

Cozinhar com Vinagre ... 53

Capítulo Oito

Quais são as Novidades ... 61

Bibliografia ... 67

Capítulo Um

Mantenha-se Jovem

Então você quer viver para sempre!

O vinagre de sidra contém as características saudáveis das maçãs,

concentradas numa colher de chá de líquido dourado e é rico em

aminoácidos essenciais e enzimas salutares. Não é, portanto, de admirar

que algumas pessoas tenham afirmado que este depósito natural de

vitaminas e minerais cura todos os

males que afligem a humanidade - e até mesmo que prolonga a vida e a

juventude.

O vinagre de sidra é um remédio instantâneo para todas as doenças do

mundo? Uma panaceia mágica? Um elixir místico? Um líquido milagroso?

Algumas pessoas acreditam que efectivamente o vinagre está muito próximo

de todos estes atributos!

A medicina convencional está orientada para a doença - está preparada

para responder à doença. Mas uma boa saúde e o prolongamento do apogeu da

vida começa com um corpo, mantido, dia após dia, com

uma boa alimentação e hábitos saudáveis. Um corpo saudável e sem idade

requer uma alimentação rica numa grande variedade de nutrientes. E a

forma mais segura de obter nutrientes adequados é fornecer ao

organismo uma alimentação variada, que satisfaça todas as necessidades

nutricionais conhecidas e seja reforçada com numerosos elementos-traço.

Talvez seja por isso que o vinagre de sidra tem a reputação de ser um

tónico quase mágico - um dos

líquidos mais saudáveis e ricos em nutrientes de que a humanidade tem

conhecimento. Uma colher de chá deste liquido dourado fornece uma

quantidade generosa dos blocos construtivos necessários para uma

saúde perfeita. Esta substância potente contém uma grande variedade de

vitaminas, minerais e amino-

ácidos essenciais.

Os cientistas têm conhecimento de que o ser humano necessita de

quantidades muito reduzidas de centenas de compostos em grande parte

ainda não identificados. Os especialistas em nutrição estão

constantemente a descobrir minerais, enzimas, aminoácidos e outras

substâncias e essências de que o

organismo necessita para ser'saudável. No entanto, a forma como o

organismo utiliza os elementos-traço continua a ser um mistério da

medicina, assim como continua por identificar a quantidade necessária da

maior parte deles.

Os médicos sabem que a carência de um milimicrograma de um elemento

importante pode resultar em

doenças, envelhecimento prematuro ou danos cerebrais. O melhor conselho

que os nutricionistas podem dar é que façamos uma alimentação variada,

capaz de tomar um vasto espectro de nutrientes disponíveis para o

organismo.

-5-

Desde os primórdios da História que a humanidade anseia pelo elixir

mágico que brota da lendária "Fonte da Juventude". Para a maior parte de nós, o vinagre de sidra pode estar tão próximo quanto alguma vez se possa

estar desse remédio universal, porque, como é sabido, o segredo para uma

juventude eterna já nós o possuímos. É simplesmente manter a vitalidade e

ser capaz de desfrutar de uma vida cheia de entusiasmo e vigor a cada dia

que passa.

Assim, não é de admirar que o vinagre de sidra seja um remédio de longa

data para aqueles que pretendem conservar a vitalidade e a saúde na

velhice. Ao longo dos tempos tem sido prescrito como um

meio de manter uma boa saúde geral, prevenir a doença, controlar o peso,

aliviar o desconforto das tosses, constipações e dificuldades

respiratórias e tratar problemas do aparelho digestivo.

Uma vez que os remédios tradicionais (como os indicados neste livro) são

transmitidos de pais para filhos, ao longo de muitas gerações, as

mudanças são inevitáveis. Com efeito, cada família desenvolve as suas

próprias variações, mas há uma ideia que persiste: uma pequena quantidade

de vinagre de sidra, ingerida diariamente, proporciona de algum modo uma

saúde melhor e uma vida mais longa.

A seguir, apresentamos algumas destas velhas crenças sobre os benefícios

que podemos obter do vinagre de sidra (lembre-se de que se trata apenas

de remédios caseiros e não de curas cientificamente comprovadas!)

VIVA UMA VIDA LONGA, SAUDÁVEL

E CHEIA DE VITALIDADE

Assegure uma vida longa e saudável, bebendo vinagre todos os

dias. Deite simplesmente uma colher de sopa num copo cheio de água e

beba.

A maneira de se manter saudável e activo, mesmo na velhice, é misturar 1

colher de chá de vinagre e uma de mel num copo água. Tome este tónico 3

vezes ao dia, 30 minutos antes das refeições.

Para uma vida longa, activa e perfeitamente saudável, tome um

tónico de vinagre muito lentamente antes de cada refeição. Misture 2

colheres de sopa de vinagre de sidra e 1 colher de mel numa chávena de

água morna e beba de imediato.

A maneira mais agradável de tomar uma dose diária de vinagre é adicionar

uma pequena quantidade de mel de trevo com uma colher de sopa de vinagre

e uma colher de chá de azeite. Misture tudo muito bem e espalhe este

molho saudável sobre uma pequena taça com legumes.

Com 1/4 de chávena de vinagre, 1/4 de chávena de óleo de milho e 1/8 de

chávena de mel obtém-se um tempero saudável para as saladas. Mexa bem e

sirva ao jantar para manter toda a família de boa saúde.

Beber um copo de água morna com uma colher de chá de vinagre de sidra

antes de cada refeição é muito benéfico para a memória.

-6-

COMBATA OS GERMES

Para aliviar as dores de garganta causadas por uma constipação, misture

1/4 de chávena de mel com 1/4 de chávena de vinagre de sidra e tome 1

colher de sopa de 4 em 4 horas. Se necessário, pode tomar este remédio

com mais frequência.

Alivie o incómodo de uma dor de garganta e acelere a cura, tomando de vez

em quando um xarope preparado com 1/2 chávena de vinagre de sidra, 1/2

chávena de água, 1 colher de chá de pimenta-decaiena e 3 colheres de sopa

de mel.

Um gargarejo com vinagre pode aliviar as dores de garganta. Faça

gargarejos com um copo de água morna ao qual adicionou uma colher de chá

de vinagre de sidra. Repita tantas vezes quantas forem necessárias. Deste

modo também estará a fazer uma boa limpeza da boca!

Acalme a tosse seca à noite, salpicando a fronha da almofada com vinagre

de sidra

Uma pequena quantidade de vinagre de sidra, tomada diariamente, mantém o

tracto urinário são e ácido, diminuindo a possibilidade de infecções nos

rins ou na bexiga.

Para curar uma constipação, embeba um quadrado de papel castanho com 20

cm (cortado de um saco de mercearia) em vinagre de sidra. Quando o papel

estiver completamente molhado, salpique-o com pimenta e ate-o ao peito

com tiras de pano, colocando junto à pele o lado com a pimenta. Ao fim de

20 minutos, tire o papel e lave o peito, tendo o cuidado de não apanhar

frio.

MELHORE O SEU ASPECTO, SINTA-SE MELHOR

O melhor tónico para os pés é andar para a frente e para trás na

banheira, com os tornozelos submersos em água à qual foi adicionada

1/2 chávena de vinagre de sidra. Faça estes movimentos durante 5 minutos

logo pela manhã e à noite, antes de ir para a cama. Os pés quentes e

doridos ficam repousados e confortáveis.

Se o prurido e a pele descamada de pé-de-atleta o incomodam, embeba as

peúgas ou meias em água com vinagre. Misture 1 parte de vinagre com 5

partes de água e deixe-as ficar de molho durante 30 minutos antes de as

lavar como habitualmente.

É possível manter uma cabeça cheia de cabelos saudáveis e à cor natural

mesmo na velhice começando simplesmente cada dia com um

---7- - ----

copo de água ao qual foram adicionadas 4 colheres de chá de vinagre de

sidra, melaços de lígula preta e mel.

O vinagre de sidra é bom para eliminar os quilos em excesso.

Beba simplesmente um copo de água morna com 1 colher de chá de vinagre de

sidra antes de cada refeição. Esta mistura modera o apetite e elimina as

gorduras.

Se o vinagre queima realmente as calorias de gordura, se domina a

inclinação excessiva para devorar as provisões que temos em casa,

ou se simplesmente nos enche com água avinagrada ácida, os resultados são

os mesmos. Come-se menos e os quilos desaparecem!

A asma pode ser aliviada, combinando as vantagens da acupressão com os

benefícios do vinagre de sidra. Use uma fita adesiva larga para prender

na parte interior dos pulsos gaze previamente embebida em vinagre.

Uma boa maneira de lavar as mãos muito sujas e ao mesmo tempo amaciá-las

é esfregar com farinha de milho humedecida em vinagre de sidra e a seguir

passar por água fria, esfregando-as delicadamente até

secarem.

Pode eliminar a caspa e ficar com o cabelo brilhante e saudável se depois

do champô passar sempre os cabelos por uma solução de dois copos de água

morna com meia chávena de vinagre de sidra.

Para tratar o cabelo estragado por muitas permanentes, enxague-o-o-o com

água e vinagre. Deste modo também dá vitalidade aos cabelos escuros e

brilho aos cabelos loiros.

Garanta uma pele suave e radiosa e impeça o aparecimento de manchas,

dormindo com uma máscara de morangos e vinagre. Esmague três morangos

grandes em 1/4 de chávena de vinagre e deixe ficar durante 2 horas. A

seguir, coe o vinagre com um pano.

Com toques suaves, espalhe o vinagre aromatizado com morango no rosto e

pescoço e lave de manhã. Em pouco tempo a pele fica sem

borbulhas e pontos negros.

Os calos e calosidades desaparecem de um dia para o outro se os

tratar com uma compressa de vinagre. Enrole com uma fita à volta da zona

afectada 1/2 fatia de pão duro (previamente embebido em vinagre de

sidra). De manhã a pele estará suave e renovada.

As senhoras podem proteger a pele da agressividade do sol de verão,

aplicando uma protecção de azeite e vinagre de sidra. Misturada em partes

iguais, esta combinação ajuda a evitar queimaduras solares e rugas.

-8-

Pode fazer desaparecer as manchas de envelhecimento (há quem lhes chame

manchas de fígado), esfregando-as com sumo de cebola e vinagre. Mistura-

se 1 colher de chá de sumo de cebola e 2 de vinagre e aplica-se com um

pano macio, ou mergulha-se 1/2 cebola fresca num pequeno prato com

vinagre e depois passa-se a cebola na zona da pele afectada. Ao fim de

algumas semanas a mancha começa a desaparecer.

Os vergões prurientes e a urticária, os inchaços e as manchas podem ser

tratados com uma pomada feita de vinagre e farinha de milho. Aplique-a

com toques suaves e sinta o prurido a desaparecer à

medida que a pomada seca.

Atenue o desconforto e o mau aspecto das varizes cobrindo as

pernas com um pano torcido em vinagre de sidra. Deixe actuar com as

pernas levantadas, durante 30 minutos, de manhã e à noite. Ao fim de

6 semanas vai sentir um alivio significativo. Para acelerar o processo de

cura, tome após cada tratamento um copo de água morna, ao qual adicionou

vinagre de sidra. Beba lentamente e junte uma colher de chá de mel se se

sentir muito cansado.

ALIVIE A DOR E O SOFRIMENTO

As dores de cabeça desaparecem gradualmente seguindo este tratamento

muito simples: introduza água com uma pequena quantidade de vinagre de

sidra num vaporizador e inale os vapores durante 5 minutos. Mantenha-se

deitado em repouso e ao fim de 20 minutos a dor terá desaparecido.

Os soluços desaparecem bebendo, muito lentamente, um copo de água com 1

colher de chá de vinagre. Este processo dá ainda melhores resultados se,

ao beber, colocar os seus lábios do outro lado do copo!

Para as más disposições gástricas, beba lentamente um copo de água muito

quente com 1 colher de sopa de mel e uma de vinagre. Este remédio também

é benéfico para os gases.

Se as dores de cabeça não passarem, experimente um chapéu de papel de

saco. Embeba em vinagre de sidra os rebordos da abertura de um saco de

papel castanho. Coloque o chapéu na cabeça (como se

fosse um chapéu de cozinheiro) e ate-o com um cachecol comprido. A dor de

cabeça desaparece em 45 minutos.

As pessoas que sofrem de cãibras nas pernas durante a noite podem

encontrar alívio bebendo às refeições um copo de água morna

fortificado com vinagre de sidra.

-9-

Previna o aparecimento de cãibras nas pernas, misturando uma

colher de sopa de mel, uma colher de chá de vinagre de sidra e 1 colher

de sopa de lactato de cálcio em 1/2 copo de água. Tome este preparado uma

vez por dia.

Para a fadiga ou distensão muscular, envolva a zona dorida com um pano

torcido em vinagre de sidra. Deixe actuar durante 3 a 5 minutos e repita

o tratamento as vezes que forem necessárias. Para um alívio ainda maior,

junte ao vinagre uma boa pitada de pimenta-decaiena.

Elimine o incómodo das náuseas ou dos vómitos, colocando sobre o estômago

um pano torcido em vinagre de sidra morna. Quando o pano arrefecer,

substitua-o por outro morno.

Capítulo Dois

O Vinagre Combate as Doenças

Os entusiastas do vinagre de sidra podem enumerar uma longa lista das

doenças que o vinagre alegadamente cura ou previne. Diz-se que o vinagre

consegue curar artrites, prevenir a osteoporose, evitar o cancro,

eliminar infecções, amaciar a pele, auxiliar na digestão, controlar o

peso, preservar a memória e proteger a mente dos efeitos do

envelhecimento.

Nas páginas seguintes abordaremos algumas das descobertas mais recentes

dos investigadores médicos

e o impacto destas pesquisas na terapêutica do vinagre, assim como alguns

dos remédios tradicionais mais utilizados.

Será possível que o vinagre de sidra possua todas as virtudes que lhe são

atribuídas? Uma das respostas pode ser: "Sim, porque é uma

combinação maravilhosa de um agradável sabor acre com os ácidos

destruidores dos germes". O vinagre é fermentado a partir da sidra doce e a sua cor de mel dourado deve-se aos taninos que escorrem

das paredes celulares fragmentadas das maçãs frescas e maduras. Quando

estes conservantes naturais e incolores entram em contacto com o ar,

desenvolvem a cor rica e dourada que associamos à sidra. É o chamado

escurecimento enzimático, que contribui para o aroma inconfundível da

sidra, um aroma mais forte que o do sumo de maçã simples.

O vinagre deriva da fermentação da sidra fresca e naturalmente doce numa

bebida alcoólica (sidra com teor de álcool) seguida de uma

nova fermentação.

O vinagre de sidra contém mais de trinta nutrientes importantes, uma

dúzia de minerais, mais de meia dúzia de vitaminas e aminoácidos

essenciais e várias enzimas, para além de uma grande dose de pectina,

indispensável para o bom funcionamento do coração.

Quando exposto ao calor e ao ar, o vinagre de sidra fornece algumas

indicações sobre a sua natureza. Inspire profundamente, pois o que vai

inalar é a parte "volátil" do vinagre - a parte que evapora rapidamente.

Os cientistas analisaram recentemente esta pequena parte

Se sofre de alguma doença ou toma medicamentos regularmentefale com o seu

médico sobre os efeitos da adição de vinagre na sua alimentação

que constitui o vinagre e descobriram 93 componentes voláteis que

conseguiram reconhecer e outros que ainda não estão identificados!

O vinagre é composto por:

7 Hidratos de carbono

18 Tipos de alcoóis

33 Carbonilos (4 aldeídos e 29 cetonas)

4 Ácidos

8 Ésteres (mais 11 ésteres de lactona)

7 Bases

3 Furfuranos

13 Fenóis

A composição exacta de um determinado vinagre depende daquilo de que é

feito. Mesmo o vinagre de sidra varia de acordo com o tipo e estado das

maçãs que foram utilizadas. Em parte, é por essa razão que os cientistas

de medicina nem sempre sabem exactamente como

ou porque é que o vinagre promove a cura. Apenas sabem que o vinagre é

simultaneamente anti-séptico e antibiótico.

AS PRIMEIRAS APLICAÇõES DO VINAGRE

PARA FINS MEDICINAIS

Um texto médico assírio antigo descreve a aplicação do vinagre como

tratamento para as dores de ouvido.

Em 400 AC, Hipócrates (considerado o Pai da Medicina) usou o

vinagre para tratar os seus doentes. Este destruidor de germes natural

foi um dos primeiros "remédios" a ser utilizado.

Nos tempos Bíblicos, o vinagre foi usado como penso curativo para as

feridas e inflamações infecciosas.

O vinagre foi denominado "Vinagre dos Ladrões" durante os

tempos da Grande Peste da Europa. Diz-se que alguns ladrões destemidos

utilizavam o vinagre para se protegerem da contaminação a que estavam

sujeitos quando assaltavam as casas das vítimas da peste.

Consta também que o vinagre salvou as vidas de milhares de soldados

durante a Guerra Civil dos E. U., pois era normalmente utilizado como

desinfectante para as feridas.

O VINAGRE E A PELE

Tradicionalmente, as infecções no rosto, à volta dos olhos e nos

12-

ouvidos eram tratadas com uma solução de vinagre e água. Esta solução

resulta porque o vinagre é anti-séptico (em contacto com os germes,

elimina-os) e antibiótico (contém bactérias, que são desfavoráveis aos

microrganismos infecciosos)

Mais recentemente, o vinagre tem sido utilizado para tratar doenças

crónicas do ouvido médio, quando os métodos convencionais baseados na

terapêutica medicamentosa falham. Um dos h-~entos que está actualmente a

ser prescrito para h~ infecções dos ouvidos no hospital da Ohio State

University (Univenidade do Estado de Ohio) é a irrigação com vinagre.

Hoje em dia, os médicos estão a considerar a possibilidade de tratar

algumas infecções dos olhos com vinagre diluído. Neste momento, o vinagre

está a ser utilizado como desinfectante hospitalar. Um exemplo desta

aplicação é o hospital Yale-New Haven. Quando as infecções pós-cirurgicas

dos olhos se tornaram um problema, o

Departamento de Bacteriologia resolveu a questão com vinagre vulgar.

O hospital começou sistematicamente a limpar o lavatório da sala de

preparação cirúrgica com solução de vúi@gre doméstico normal a

0,5%. Este deu melhores resultados na eliminação das bactérias

patogénicas que o produto comercial anteriormente utilizado!

Dois dos remédios outrora utilizados para tratar queimaduras ligeiras

consistiam em embeber a ferida com v~ de sidra ou deixar um caracol

rastejar em cima dela. Se não tiver um caracol amigável à sua disposição,

pode experimentar aplicar com toques suaves um pouco de vinagre de sidra

na zona afectada. O ~ é especialmente útil para neutralizar queimaduras

alcalinas.

Alivie também o prurido da pele, aplicando vinagre de sidra em

toques suaves. Se o prurido se localizar na proximidade dos olhos ou

de outras zonas delicadas, dilua o vinagre em 4 partes de água para 1 de

vinagre. Para um tratamento completo do corpo, adicione 2 ou 3 chávenas à

água do banho. Uma mão-cheia de tomilho também pode aj udar.

Para aliviar o prurido rectal, embeba um quadrado de gaze em

vinagre de sidra e aplique-o delicadamente.

Utilize um pano humedecido em vinagre para limpar as axilas- Se não as

passar por água, o vinagre mantém-as livres de odores desagradáveis

durante várias horas.

Alivie as queimaduras solares, tomando banho numa banheira com água

tépida à qual adicionou uma chávena de vinagre de sidra. Sempre que tenha

de tratar uma distensão ou dor com água muito quente, adicione um borrifo

de vinagre à água para que esta pareça menos quente.

Maá4

~ &V

&mw*~ ~

~Y~_`

- 13-

Uma das razões pelas quais o vinagre é tão útil para tratar problemas

cutâneos é que o seu pH é muito semelhante ao da pele saudável. Assim, a

aplicação do vinagre ajuda a normalizar o pH da camada superficial da

pele.

O VINAGRE, AS FIBRAS E O COLESTEROL

O vinagre contém um tesouro em hidratos de carbono, bem como uma boa dose

da misteriosa substância que dá pelo nome de "fibras dietéticas". Tanto os hidratos de carbono como as fibras dietéticas foram recomendadas pelo

"U.S Surgeon General" para ajudar a criar resistências contra o cancro.

Quanto às fibras... sim, existem diferentes tipos de fibras. Algumas são

hidross,)Iúveis e outras não. As fibras hidrossolúveis absorvem a água

(formando volume) e têm a capacidade de interagir com o

organismo. As fibras insolúveis também absorvem a água (formando volume)

mas não interagem com o organismo do mesmo modo complexo com que as

fibras solúveis o fazem.

Quando o vinagre é feito de maçãs frescas e naturais contem uma dose

saudável de pectina. A pectina é uma fibra solúvel. Dissolve-se na água,

tomando-se bastante disponível para ser utilizada pelo organismo. Além de

absorver a água, toma mais lenta a absorção dos alimentos e dos líquidos

nos intestinos, mantendo-se, por isso, no corpo mais tempo que as fibras

insolúveis.

As fibras insolúveis, como o farelo de trigo, passam rapidamente pelo

tracto digestivo, especialmente pelos intestinos. Esta característica

confere-lhes propriedades laxantes. O farelo de trigo também pode dar

origem a uma grande flatulência.

À medida que faz o seu percurso lento e suave pelo aparelho digestivo, a

pectina (a fibra do vinagre de sidra) liga-se ao colesterol, expulsando-o

depois do corpo. Uma menor quantidade de colesterol no organismo

contribui para a redução do risco de problemas cardiovasculares, como os

ataques cardíacos e os acidentes vasculares cerebrais.

O VINAGRE E A DIGESTÃO

O vinagre de sidra é muito semelhante às substâncias químicas que se

encontram naturalmente no estômago. Por essa razão, tem sido

tradicionalmente louvado como um auxiliar da digestão. Assim, ao melhorar

a digestão, melhora em princípio o metabolismo geral do organismo.

-14-

As pessoas que bebem regularmente este elixir sentem que ele as ajuda a

curar mais rapidamente os cortes e abrasões e a acelerar a cura de

feridas mais graves.

Há muito quem acredite que o vinagre tem poder para atacar e

eliminar bactérias nocivas que invadiram o aparelho digestivo, diminuindo

assim a probabilidade de o corpo desenvolver toxemia e

outras infecções desencadeadas no sangue.

Alguns médicos sugerem a utilização regular do vinagre para prevenir

intoxicações alimentares e recomendam que este seja ingerido sempre que

se vá a restaurantes de reputação duvidosa ou se visite um país

estrangeiro. A dose habitual é uma colher de sopa de vinagre, 30 minutos

antes das refeições, que pode ser misturada com água, sumo de legumes ou

outra bebida qualquer. Para a maior parte das pessoas, o sabor do vinagre

com água torna-se mais agradável quando se

adiciona mel.

Uma experiência que qualquer pessoa pode fazer com o vinagre é utilizá-lo

para facilitar a digestão dos legumes, diminuindo a

flatulência. Deite uns salpicos de vinagre na panela, ao cozinhar feijão

seco. O vinagre toma o feijão mais tenro e fácil de digerir pelo aparelho

digestivo.

O VINAGRE, O BETA-CAROTENO E O CANCRO

O envelhecimento, as doenças cardíacas, o cancro e as cataratas

são sintomas dos efeitos maléficos que os radicais livres, os "canhões à solta" no universo das células, causam ao corpo humano. Os radicais

livres danificam os cromossomas e são provavelmente responsáveis por

muitas das mutações físicas associadas ao envelhecimento.

Os radicais livres vagueiam pelas plantas, animais e seres humanos,

saltando de célula em célula e danificando gradualmente cada uma

delas. Os antioxidantes absorvem os radicais livres, tomando-os

inofensivos. O Beta-caroteno, um carotenóide existente no vinagre, é um

antioxidante poderoso.

O carotenóide existe naturalmente nos vegetais, nomeadamente nas maçãs. O

beta-caroteno no vinagre encontra-se numa forma natural e fácil de

digerir. Um dos exemplos de como este antioxidante contribui para nos

mantermos de boa saúde é a forma como protege os olhos das cataratas. O

desenvolvimento das cataratas está relacionado com a oxidação dos

cristalinos, que ocorre quando os radicais livres alteram a sua

estrutura. Estudos efectuados indicam que a ingestão de alimentos que

contêm antioxidantes diminui o risco de formação de cataratas.

- is-

Está também documentada a correlação entre a ingestão de muitos alimentos

ricos em beta-caroteno e a diminuição do risco de cancro.

Os pesquisadores são unânimes, em mais de 70 estudos diferentes, em

afirmar que o beta-caroteno diminui o risco de contrair cancro. Nestes

estudos incluem-se os que foram realizados na State University of New

York (Universidade Estatal de Nova Iorque) em Stony Brook, na University

of Westem Ontario (Universidade de Ontario Ocidental), no Canadá), na

Tufts University (Universidade Tufts) e na John Hopkins School of

Medicine (Faculdade de Medicina de John Hopkins).

Além de proteger contra o cancro, o beta-caroteno reforça o

sistema imunitán*o do corpo e actua atacando os radicais livres que

destroem o sistema imunitário.

Os carotenóides são também a matéria-prima que o organismo utiliza para

produzir a vitamina A, outro poderoso antioxidante. Actuam em conjunto

para proteger contra os cancros associados às toxinas químicas. De acordo

com a National Câncer Research (Investigação Nacional do Cancro) em

Inglaterra, quando o organismo não obtém vitamina A em quantidade

suficiente, fica particularmente sensível a cancros no aparelho

respiratório, na bexiga e no cólon.

Os nossos antepassados já há muito recomendavam que se tomasse todos os

dias uma colher de chá de vinagre num copo grande de sumo de legumes. Com

todos os conhecimentos que actualmente possuímos sobre as fibras e o

beta-caroteno, este conselho pode ser muito útil!

O VINAGRE E A MEMÓRIA

A perda de memória é uma das doenças mais comuns e mais dispendiosas dos

idosos. Nos Estados Unidos, o seu custo traduz-se em 44 mil milhões de

dólares por ano, mas mais importante ainda é o

preço real que esta doença representa em termos humanos. A qualidade de

vida fica muito diminuída para as pessoas que sofrem de perda de memória

e frequentemente também para os seus familiares mais próximos.

As três causas mais comuns da perda de memória são: a doença de

Alzheimer, os acidentes vasculares cerebrais múltiplos (demência multi-

AVC) e o abuso do consumo de álcool. Muitos idosos sofrem também de danos

cerebrais provocados por mainutrição e reacções medicamentosas.

A perda de memória em indivíduos com mais de 55 anos é muitas vezes

tratada como se fosse irreversível ou inevitável. No entanto, existem

cada vez mais dados clínicos que comprovam que a perda de

-16-

memória pode ser tratada com êxito. Hoje em dia, um número crescente de

médicos subscreve as palavras de um especialista:

"Algumas das causas podem ser tratadas, obtendo-se como resultado um

estado estacionário ou até mesmo a regressão dos sintomas".

A alimentação é um factor importante no controlo dos factores de risco de

perda de memória e na regressão dos danos já causados. Uma boa nutrição

pode diminuir a probabilidade da ocorrência de acidentes vasculares

cerebrais ao diminuir o colesterol, podendo igualmente proteger o cérebro

de algumas das causas mais graves da perda da função cerebral. A revista

da American Dietetic Association. (Associação Dietética Americana) coloca

a questão nos seguintes termos:

"Algumas formas de demência - as que se devem à ingestão excessiva de

álcool ou a uma carência de vitaminas - são susceptíveis de prevenção e

de regressão parcial através da alimentação".

Especialmente a demência associada ao consumo excessivo de álcool pode

ser tratada com êxito. A revista diz ainda:

"Em todos os tipos de demência, a nutrição adequada pode aumentar o bem-estar físico, ajudar a optimizar as funções orgânicas dos doentes e

melhorar a qualidade de vida."

Alguns estudos indicam que as deficiências nutricionais constituem um

problema para 36% da população com mais de 80 anos. Em aproximadamente

metade de todos os doentes internados em lares de terceira idade foram

detectadas carências de vitaminas ou minerais. Estes níveis de vitaminas

e minerais inferiores aos normais são importantes, na medida em que

contribuem para a perda de capacidades mentais. Assim, por exemplo, a

perda de memória é mais frequente nos doentes com níveis de vitaminas B-

12 e folato no sangue inferiores aos normais.

O vinagre de sidra fornece uma dose equilibrada de aminoácidos, vitaminas

e minerais essenciais necessária para o bom funcionamento tanto do

cérebro como do corpo.

A pior das enfermidades que privam o doente das suas faculdades mentais e

que estão associadas ao envelhecimento é a -Doença de Alzheimer (DA).

Alguns estudos indicam que as vítimas da DA carecem particularmente de

cálcio, tiamina e niacina, tendo sido igualmente registados níveis baixos

de vitamina B- 12 no soro em 30% dos doentes idosos que sofrem deste tipo

de demência. Num estudo recente sobre deficiências nutritivas, quase

todos os doentes apresentaram uma

recuperação total quando submetidos a uma terapêutica com vitamina B- 12.

Os suplementos de folato também se revelaram benéficos.

17-

ffe, &1íaf@ ~ w mãe, 401,w~

vão- &,*, a, "~za,

vúoe~ aA@, a^ go a~!

wo~sw,19, a~ ~~/~

A carência de tiamina é outra causa nutricional dos problemas crónicos da

memória. Se a alimentação for pobre neste nutriente, pode verificar-se

uma perda de células nervosas e hemorragias cerebrais. Os especialistas

continuam a lembrar que:

" ... A alteração dos hábitos alimentares pode desempenhar um

papel importante no controlo de várias... doenças passíveis de dar origem

à demência ...

Quanto mais conhecimentos adquirimos acerca da boa nutrição e

da importância de fornecer diariamente ao nosso corpo uma variedade de

vitaminas e minerais, mais fácil é compreender a confiança que os

antigos depositavam no vinagre de sidra. Uma avó dá o seguinte conselho

para uma vida longa e saudável:

"Misture uma colher de chá de vinagre de sidra e uma de mel num copo de água e tome esta bebida às refeições, 3 vezes ao dia, para se

manter activo e lúcido durante toda a vida."

O tratamento da malnutríção com megadoses de vitaminas está a

ser testado, mas os resultados são pouco esclarecedores. Por vezes, é

difícil determinar a dose equilibrada de que um determinado indivíduo

pode necessitar, pois existe sempre a possibilidade de causar danos ao

administrar demasiadas vitaminas ou uma dose excessiva de minerais. Por

outro lado, a terapêutica com vitaminas pode também revelar-se

dispendiosa.

É muito melhor evitar a carência de nutrientes, fazendo uma alimentação

equilibrada. E, para uma alimentação equilibrada, é difícil igualar o

conteúdo nutricional de uma colher de sopa de vinagre de sidra.

O VINAGRE E A ARTRITE

Os indivíduos que sofrem de artrite gastam entre 8 a 10 mil milhões de

dólares por ano à procura de um alivio - que muitas vezes não conseguem

obter. Quem sente as dores provocadas pela artrite tenta quase tudo para

se libertar da doença, o que muitas vezes se traduz em avultadas quantias

dispendidas em pseudo-curas, que não melhoram a saúde, não aliviam as

dores crónicas nem impedem a progressão da doença.

A "Select Conímittee on Aging's Subconímittee on Health and

LongTerrnCare" (Câmara dos Representantes, W Congresso) chama ao

marketing das pseudo-curas da artrite um escândalo de 10 mil milhões de

dólares anuais. Num artigo sobre esta matéria, a revista Joumal of the

American Dietetic Association (Revista da Associação

is-

Dietética Americana) refere que os médicos e os especialistas em

nutrição convergem num aspecto importante do tratamento da artrite:

"0 único tratamento específico para a artrite é o "controlo do peso" ...

e uma alimentação rica em nutrientes..."

Esta reputada publicação explica as conclusões que os cientistas em

nutrição tiraram dos estudos efectuados aos hábitos alimentares

das pessoas com artrite:

Por vezes, a alimentação do doente revela-se " ... excessivamente

carenciada de alguns nutrientes".

Talvez isto ajude a explicar a crença antiga de muitas pessoas de que o

vinagre de sidra pode desempenhar um papel muito importante no alívio da

dor e no retardamento da progressão da artrite. Pelo menos, a

probabilidade de prejudicar quem o toma é menor do que a de algumas das

substâncias químicas agressivas que têm sido publicitadas como

capazes de aliviar os sintomas da artrite. Além disso, é económico!

A receita de vinagre tradicional para tratar a artrite é 1 colher de chá

de mel e 1 de vinagre de sidra misturadas num copo de água e

tomadas de manhã e à noite.

Há ainda quem seja de opinião que a dose adequada é um copo de água com 2

colheres de chá de vinagre, antes de cada refeição (3 vezes ao dia).

Um outro tónico que tem sido frequentemente recomendado para as pessoas

que sofrem do desconforto da artrite é uma mistura de vinagre com aipo,

sais de Epsom e citrinos (para obter vitamina C). Num recipiente,

misture:

1/2 toranja

1 laranja

1 limão

2 pés de aipo

4 chávenas de água

Corte o aipo e os frutos (com a casca) aos bocados. Com a panela

destapada, coza lentamente em água durante uma hora. Esmague estes

ingredientes depois de cozidos, passe-os num coador e misture-os com 1

colher de sopa de vinagre e uma de sais de Epsom. Beba um