Apesar de lhe ter sido prometido o Paraíso,
O homem continuapreferindo o Inferno.
LIVRO UM
PRIMEIRA PARTE
01
Nesta primeira parte todos têm conhecimento de que há grandes
chances de serem verdadeiras as notícias a respeito da
movimentação de naves não identificadas no quintal do Sistema
Solar.
Ainda nesta primeira parte presume-se que o leitor saiba que os
eventos têm início às 4:33 AM, Longitude menos 46 graus e
Latitude menos 23 graus, mais ou menos 1 grau.
No discreto painel de cabeceira da cama, logo acima de uma Bela
Morena Adormecida, piscavam dígitos, pontos e barras,
informando o que se precisava saber naquele exato momento: dia
e mês, programação da temperatura, parâmetros para a
comunicação e, entre outros relacionados à segurança e
vigilância, os limites escolhidos para acionar o despertador.
Aquele moderno aparelho instalado na residência da Verena
(ainda Adormecida) não passava de um despertador comum de
médio custo, escolhido em função de ser capaz de permanecer
monitorando a comunicação sem interrupções. A opção CS
Comunicação Subterrânea, a preferida pela moradora, analisava
conteúdos, filtrava dados, condensava estatísticas e fazia brilhar
no painel círculos alaranjados que, neste exato momento,
irromperam em tons vermelhos infernais.