O mistério do Espírito Santo por R. C. Sproul - Versão HTML

ATENÇÃO: Esta é apenas uma visualização em HTML e alguns elementos como links e números de página podem estar incorretos.
Faça o download do livro em PDF, ePub, Kindle para obter uma versão completa.
index-1_1.png

CONTEÚDO

Prefácio ....................................................

7

1 Quem E o Espírito Santo? .....................

9

2 O Espírito Santo É Deus .......................

21

3 Mistério da Trindade .............................

33

4 Essência e Pessoa:

Sondando o Mistério da Trindade .......

53

5 O Espírito Santo na Criação .................

75

6 O Novo Gênesis:

O Espírito Santo e a Regeneração . . . . . .

91

7 Sãos e Salvos pelo Espírito Santo ........ 113

8 O Batismo do Espírito Santo ................ 133

9 O Fruto do Espírito ............................... 161

10 O Outro Consolador ............................. 179

PREFÁCIO

"O Espírito Santo não deixa pegadas na areia." Es-

sas palavras são de Abraham Kuyper, em sua obra clássi-

ca sobre o Espírito Santo. Jesus deixou pegadas na areia.

Ele era o Deus em carne, Deus dotado de natureza huma-

na. Quando os discípulos de Jesus andavam com ele, po-

diam ouvir a sua voz, tocar em suas mãos e observar a

areia respingando sobre os seus pés, enquanto ele percor-

ria as praias do mar da Galiléia.

Mas o Espírito Santo é como o vento. Disse Jesus:

"O vento sopra onde quer, ouves a sua voz, mas não sabes

donde vem, nem para onde vai" (João 3.8). Não se pode

capturar o vento em uma garrafa. O vento é esquivo e

misterioso, mas não obstante, é real. Vemos os efeitos do

vento — árvores balançando e vergando ao vento, bandeiras

drapejando. Vemos também a devastação causada pelos

terríveis tufões. Vemos o oceano tornar-se violento sob o

vendaval. Somos refrescados pela brisa gentil em um dia de

verão. Sabemos que o vento está presente.

Outro tanto sucede no caso do Espírito Santo. Ele

é intangível e invisível. Mas as suas operações são mais

poderosas do que o vento mais violento. O Espírito Santo

põe ordem no caos, e beleza na feiúra. Ele pode transfor-

mar um homem maculado pelo pecado em um modelo de

virtudes. O Espírito Santo modifica as pessoas. O Autor

da vida é, igualmente, o Transformador da vida.

Visto que o Espírito Santo é misterioso, somos

vulneráveis diante das superstições e distorções sobre a

sua pessoa e as suas operações. Neste ponto devemos es-

cutar com cuidado as Escrituras, enquanto elas nos reve-