Paraísos Artificiais

Paraísos Artificiais
O livro traz o tema do haxixe e do vinho, a partir de textos do autor extraídos do ensaio “Do vinho e do haxixe vistos como meios de multiplicação das individualidades” (1851) ou ainda do Poema do Haxixe, primeira parte dos “Paraísos Artificiais” (1860). Traz ainda nota introdutória do renomado toxicólogo Enrico Maliza.
Esta é apenas uma pré-visualização em PDF das primeiras páginas do Paraísos Artificiais. Baixe a versão completa para ler o livro completo.
Nota: Você deve ter o Adobe Reader ou o Acrobat Installed para ver esta visualização
Você não tem o Adobe Reader instalado. Para ver esse arquivo, baixe Adobe Reader em <a href="http://get.adobe.com/reader/" target="_blank">aquí</a>. Ou, se quiser baixar o PDF para seu computador, clique <a href="https://portugues.free-ebooks.net/ebook/Paraisos-Artificiais/pdf">aqui</a>.